Campanha do Outubro Rosa alerta para câncer de mama em animais de estimação

Cachorras possuem uma incidência três vezes maior de adquirir a doença do que os humanos.

Durante o mês de outubro é desenvolvida uma campanha de conscientização do câncer de mama em todo o país. O que poucos sabem, é que a doença afeta principalmente os animais de estimação. A cadela Meg já operou três tumores desde que Ana Paula Mateucci a adotou.

“Quando ela chegou já tinha os tumores da mama e foi a primeira vez que ela operou. A segunda vez, ela operou um tumor do dedinho da pata. E a terceira vez foi agora recentemente, em agosto, que ela operou de novo e tirou a outra cadeia mamária”, comenta Ana, dona da Meg.

Nas três vezes que a cachorra apresentou os tumores, a doença foi detectada logo nos primeiros estágios, facilitando o tratamento. “Tanto o tumor da patinha, quanto o da mama, foi observando e apalpando que eu achei”, relembra Ana Paula.

Segundo Rafael Cuconati, doutor de oncologia veterinária, a incidência da doença nas cadelas é três maior do que nos seres humanos. “Ele (o tumor) pode aparecer bem pequeno, menor que do uma cabeça de alfinete também. Então, tem que fazer uma apalpação bem minuciosa”, explica o doutor.

De acordo com os dados do Conselho Federal de Medicina veterinária, os tumores na mama correspondem a 52% dos casos de câncer em cadelas. Já nas gatas, é de 17%.

Para alertar sobre a necessidade da prevenção, e também a importância de um diagnóstico precoce, os alunos e professores do curso de Medicina da Faculdade Anhanguera estão oferecendo consultas gratuitas durante todo o mês de outubro, além de descontos em exames e procedimentos cirúrgicos.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *